Categorias

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

Com percalços nas duas sessões de testes, Massa é superado por Glock

O brasileiro Felipe Massa realmente não teve sorte em seu primeiro dia nos testes de pré-temporada no circuito de Sakhir, no Bahrein. Nesta quarta-feira, ele enfrentou problemas em seu câmbio na sessão da manhã. Depois, à tarde, os percalços com o modelo F60 da Ferrari foram na parte eletrônica do modelo.

Felipe Massa teve pouco tempo para deixar os boxes e acabou superado por Timo Glock

Desde terça-feira os mecânicos da equipe italiana têm enfrentado dificuldades. Kimi Räikkönen fez o melhor tempo na terça, mas apenas depois de ter de esperar o conserto do sistema de KERS de sua Ferrari, que durou três horas.

Nesta quarta, Massa entrou na pista e completou apenas quatro voltas pela manhã, antes de voltar lentamente aos boxes. Ele ainda conseguiu acertar o câmbio e completar 31 voltas, mas não passou da última colocação no período.

Já na parte da tarde, com os tempos combinados, quem se deu melhor foi o alemão Timo Glock, justamente o "vilão" do piloto brasileiro no GP de Interlagos de 2008, quando Lewis Hamilton arrebatou o título da Fórmula 1 na volta final. O piloto da Toyota encerrou o dia com 1min32s492.

Enquanto isso, mais tempo no box para Massa. Apesar de ter um bom número de giros, com 105, no fim de sua sessão de testes ele teve de parar para cuidar de problemas na parte elétrica. Mesmo conseguindo a segunda colocação, nem chegou perto de Glock, com uma distância de cerca de meio segundo (1min32s917).

Quem comemorou foi o piloto da Toyota. "Foi mais um bom dia para nós. Não tivemos grandes problemas e conseguimos trabalhar muito", disse o alemão, ao site Autosport. "Foi difícil pilotar, por causa do vento, mas no final estou feliz de termos encontrado boas direções para seguir com o trabalho."

Já a BMW, que encerrou na última posição, com o também alemão Nick Heidfeld, também não teve um dia fácil no autódromo de Sakhir. Ele enfrentou em duas oportunidades problemas mecânicos, ficando a 76 milésimos do melhor tempo feito por Massa.

Nenhum comentário: