Categorias

sexta-feira, 9 de setembro de 2011

A Língua Portuguesa agradece!!!

Este é um Post bem interessante.

Não diga:
Menas (sempre menos)
Iorgute (iogurte)
Ededron (Edredon )
Mortandela (mortadela)
Mendingo (mendigo)
Trabisseiro (travesseiro)
Trezentas gramas (é O grama e não A grama)
Di menor, di maior (é simplesmente maior ou menor de idade)
Cardaço (cadarço)

Asterístico (asterisco)
Beneficiente (beneficente - lembre-se de Beneficência Portuguesa)
E lembre-se também:
Mal - Bem. É um mal necessário.
Mau - Bom O menino é muito mau.
A casa é GEMINADA (do latim geminare = duplicar) e não GERMINADA
que vem de germinar, nascer, brotar
O certo é CUSPIR e não GOSPIR.
O certo é BASCULANTE e não VASCULHANTE,
aquela janela do banheiro ou da cozinha.
Se v. estiver com muito calor, poderá dizer que está "suando"
(com u) e não "soando", pois quem "soa" é sino!
O peixe tem ESPINHA (espinha dorsal) e não ESPINHO. Plantas têm
espinhos.
Homens dizem OBRIGADO e mulheres OBRIGADA
O certo é HAJA VISTA (que se oferece à vista) e não HAJA VISTO.
"FAZ dois anos que não o vejo" e não " FAZEM dois anos".
"HAVIA muitas pessoas no local" e não " HAVIAM"
"PODE HAVER problemas" e não "PODEM HAVER...."
PROBLEMA e não POBLEMA ou POBREMA

A PARTIR e não À PARTIR
Para EU fazer, para EU comprar, para EU comer e não para MIM
fazer, pra mim comprar ou para mim comer (mim não conjuga verbo; apenas "eu, tu
eles,nós, vós, eles")
Você pode ficar com dó (ou com um dó) de alguém, mas nunca com "uma dó";
a palavra dó no feminino é só a nota musical (do, ré, mi, etc. etc.)
HALL é RÓL não RAU, nem AU
E agora, o horror divulgado pelo pessoal do TELEMARKETING:
Não é eu vou ESTAR mandando, vou ESTAR passando, vou ESTAR verificando e
sim eu vou MANDAR, vou PASSAR e vou VERIFICAR (muito mais simples,
mais elegante e CORRETO). Trata-se de GERUNDISMO.

Da mesma forma é incorreto perguntar: COM QUEM VOCÊ QUER ESTAR
FALANDO?
Veja como é o correto e mais simples: COM QUEM VOCÊ QUER FALAR?
Por último, e talvez a pior de todas: Por favor, arranquem os
malditos SEJE e ESTEJE do seu vocabulário! O correto é SEJA e ESTEJA!

4 comentários:

Alan... disse...

Tomar as regras estabelecidas pra norma culta como padrão de correção 'de todas' as formas linguísticas tem um nome que infelizmente ainda é pouco conhecido entre os seres superiores e ele se chama "preconceito linguístico".

Não me incomoda nem um pouco alguém falar menas, espinho, bassoura e etc.

Visto que as normas da língua culta são mutáveis justamente por absorver muito (muito mesmo) do "idioma cotidiano", ou você ainda escreve 'farmácia com PH' e fala 'vossa mercê'?

Pois a uns 40 anos atrás 'farmácia' e 'você' estariam fácil dentro da sua lista de pecados linguísticos, isso entre outros tantos, ou você nunca falou "a gente"? Pois essa é nova, não tem 30 anos ainda e também estaria fácil na sua lista de pecados.

O valor de uma pessoa se mede pelo caráter e não pelo espinho do peixe.

André Fonceca disse...

Cara, tu leva tudo ao pé da letra, não publiquei este texto por ser "Preconceituoso" linguísticamente falando, não sou e tenho certeza disso.
Acho o texto engraçado, e em minha opinião é importante que se aprenda forma correta de falar e que é usada e praticada nos dias de hoje, e creio que você sabe disso, exigida em textos de alunos que estão na faculdade ou frequentam uma boa sala de aula no ensino fundamental ou no médio e que tem a frente um professor que pretende desenvolver com seus alunos o melhor conteúdo possível.
Alan, opiniões se divergem, não tive a intenção de ofender ninguém, só de provocar algum riso em várias pessoas que eu conheço e que algum dia já usaram algumas dessas palavras, seu comentário está ai...
Obrigado por participar.

Alan... disse...

Foi mal cara, mas é que não vejo a mínima graça nesse tipo de "brincadeira".

Fabi... De volta aos anos 80 disse...

E ai menino, tudo blz???
Adorei seu post!!!
Acho q todos nós devemos tentar falar o mais correto possivel.
Imagina se vc chega em uma entrevista de trabalho falando assim!!! Nossa, vão mandar vc voltar para escola!!!
Até entendo uma pessoa que mora no sitio falar assim, pois entenderia q não teve oportunidade de estudar. Embora hj em dia até no sitio ou regiões mais afastadas da cidade tem pequenas escolas.
E isso ai, tem q aprender a falar mesmo!!! Não corrijo quem fala errado se eu nao tenho intimidade para fazer isso, mas quem eu conheço e fala errado perto de mim, ah, mas eu corrijo mesmo!!! Para que ela não continue falando errado e sendo alvo de risadas sem nem mesmo saber pq estão rindo dela!!! Isso sim é maldade!!!
Bjsss menino!!! Vai la em casa hem!!! ;)