Categorias

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Bodas de Diamante!!!!

À 60 anos atrás...
Não vou me atrever e tentar falar muito a respeito desse assunto pois eles tem 60 anos de história(s) pra contar, descrevi assim, com o "s" em separado por saber que a História dos meus avós é uma e que eles sabem muitas outras de forma detalhada...
A comemoração dos 60 anos de casamento foi no dia 11 do mês passado, vou postar aqui algumas fotos, e um texto lindo que meu avô escreveu para a Cida dele...

História de um casamento!!!
Na cidade de Cornélio Procópio...
Onde tudo começou
Foi nosso primeiro encontro
E o nosso primeiro amor
Seis Anos Se Passaram...
Até que chegou a hora
O abraço da união
Que se repete até agora

Em onze de outubro...
Do século que ja passou
Foi o nosso casamento
O sonho se completou

Hoje faz sessenta anos...
Que ja não estou sozinho
Mas junto a minha Cida
E a Cida do Toninho

A semente já nasceu...
Os frutos ai estão
Quatro filhos e três filhas
Que sempre nos fazem sorrir

Essa famíllia ja cresceu...
E é difícil explicar
É gente nesta e naquela cidade
E até na capitar(L)

Agora somos felizes...
Pelo fato que aconteceu
E pra completar essa verdade
O meu sobrenome é o seu

Aqui vai meus parabéns...
A minha esposa querida
O que também espero dela
Pois somos um nesta vida

Do seu esposo Antônio Nora Ribeiro 11 - 10 -2009.
Meu avô poeta:

O Casal:

A Família, nesta foto estão faltando dois dos meus primos...
Sou grato a Deus por tudo que tenho, especialmente pela minha família, ela não é perfeita, longe disso, mas é minha família...
Que Deus continue a abençoar-nos com sua graça e misericordia...

Os homenageados aqui são:
Antonio Nora Ribeiro e Aparecida Correia Ribeiro

2 comentários:

Fabi disse...

Nossa, q lindo texto e q linda história!!! Que Deus abençoe
sempre e sempre!!! Familia é tudo na vida de uma pessoa... sem ela, nao conseguiriamos caminhar com tanta força e coragem... :)

Alan. disse...

Rapaiz, 60 anos de casamento não é pra qualquer um não hein!!! Muitas felicidades pro Seu Antônio e pra Dona Aparecida!